ANTES DA DOCE

Antes de existir a DOCE, a Inês Prazeres e o José Vilhena foram contactados por vários meios de comunicação social que se prontificaram em partilhar a sua história, com o objectivo de encontrar mais famílias. Anos antes já o nosso querido David tinha ido ao “agora nós”

DEPOIS DA DOCE

Sempre em busca de divulgar informações sobre a doença.

FAÇA SUA CONTRIBUIÇÃO HOJE

Ajude-nos a encontrar todas as famílias em Portugal afetadas pela Tay-Sachs, Sandhoff e GM1.

Faça seu donativo para o NIB PT50 0036 0414 99106010815

SER ASSOCIADO